Eu sei que você quer ganhar mais! Penso o mesmo, meu amigo. E é por isso que mantenho minha convicção de que investir no mercado imobiliário é uma boa.

Eu gosto de investimentos imobiliários. Mas volta e meia alguém tenta desafiar minhas convicções. Esses dias um amigo provocador me falou: “se você vender tudo e aplicar na renda fixa ganha mais”. Ouvi e fiz duas ponderações:

1 – O cálculo está certo?

Um erro comum nesta avaliação é comparar o rendimento do aluguel com o da renda fixa e desconsiderar os ganhos com valorização imobiliária. É bem verdade que a forma de estabelecer o valor de um imóvel não é lá uma ciência exata e, portanto, essa informação nunca é uma verdade incontestável.

Mesmo assim, dependendo do prazo e dos índices que forem comparados, a conta pode até fechar. OK, não discuto com números. Então vamos ao segundo “porém”…

2 – Você quer lucrar como a média?

Existem centenas de índices e taxas que são referências para a rentabilidade de investimentos. O CDI é o mais usado para aplicações de renda fixa, enquanto o Ibovespa é uma boa métrica para comprar carteiras de ações. Mas, é claro, cada investidor ganha mais ou menos que eles dependendo dos seus investimentos.

Eu sei que você quer ganhar mais! Penso o mesmo, meu amigo. E é por isso que mantenho minha convicção de que investir no mercado imobiliário é uma boa, seja em fundos ou diretamente. As oportunidades estão por aí e dá para ganhar bem mais do que a média.

Não acredita em mim? A Julia Wiltgen mergulhou nos resultados dos fundos imobiliários no ano passado. O índice que mede o retorno médio deles subiu pífios 5,6%, abaixo do CDI.

Essa é a média… Quem se deu bem mesmo conseguiu retornos da ordem de 30%. Veja todos os detalhes na reportagem completa da Julia.

Recomendo muito a leitura!

Ganho de 30% com fundo imobiliário? Dá sim!