2,6 Milhões de dólares por quilate é um recorde mundial.

Diamante rosa de 19 quilates, chamado de Legado Rosa, é arrematado por 50 milhões de dólares. Pedra foi descoberta há cerca de um século numa mina na África do Sul. O diamante rosa, chamado de Legado Rosa, foi leiloado nesta terça-feira (13/11) por 50 milhões de dólares, mais de 187 milhões de reais. Segundo a casa de leilões Christie’s, o Legado Rosa bateu o recorde no valor arrecado por quilate para uma pedra deste tipo e coloração.

“2,6 milhões de dólares por quilate é um recorde mundial. Essa pedra é para mim o Leonardo da Vinci dos diamantes”, destacou o diretor da Christie’s na Europa, François Curiel.

Antigamente, o Legado Rosa pertenceu à família Oppenheimer, que durante décadas dirigiu a empresa mineradora de diamantes De Beers. A casa de leilão se recusou a dizer o nome do atual vendedor e afirmou que apenas quatro diamantes rosa com mais de 10 quilates já foram oferecidos em leilões.

O Legado Rosa foi comprado pela marca de luxo americana Harry Wilson. A pedra de corte retangular foi classificada com cor extraordinária, a mais alta na escala de intensidade de coloração. Ela está ainda entre as gemas mais quimicamente puras.

Segundo a Christie’s, o diamante foi descoberto há cerca de um século numa mina na África do Sul e, provavelmente, foi lapidado na década de 1920. O corte retangular é raro em diamantes coloridos.

Leilão de diamante raro bate recorde